Histórias, Lendas e Mitos dos Gauchos.

Quando de longe se escuta um acordeão tocar, qualquer pedacinho de querência, um rebenque, um laço velho, uma cuia de mate serve para remediar a saudade... porque matar, não mata. Saudade gaúcha, é muito mais... e o Rio Grande para nós é como Sol, longe dele não há vida... é só saudade...O mito, não é só forma de expressão; os símbolos e as imagens coligadas no mito refletem a realidade verdadeira existente, porém tão profunda e vasta que não poderá ser apreendida por conceitos próprios. Por isso, o mito não nasce do nada, mas, sim, de uma experiência profunda.Irmão brasileiro. Pergunte a um Gaúcho como se defende uma fronteira.





















Nenhum comentário:

Postar um comentário